Presente do TUBA -

Presente do TUBA -

" Não é a força ,mas a constância dos bons sentimentos que conduz o homem à felicidade".Nietzsche

" Não é a força ,mas a constância dos bons sentimentos que conduz o homem à felicidade".Nietzsche

terça-feira, 27 de novembro de 2007

“Sete Passos Do Fracasso Amoroso”

No jornal Diário Catarinense, edição de domingo, 25.11.07 a chamada de capa, do “Donna DC”, dizia o seguinte:

“Dá um tempo! Erros clássicos no inicio do relacionamento, como precipitação e exageros nas declarações, podem afugentar o pretendente.”

Abro a página central e leio:


“Como perder um amor”.

Eis os passos resumidos: (Sou ariana. Vou direto ao assunto) risos.


“Sete Passos Do Fracasso Amoroso”


1 – “ Ligar ou mandar mensagens de celular em excesso.”

2 – “ Falar em casamentos e filhos ou fazer planos a longo prazo também costuma afugentar o pretendente.”

3 – “ Apressar-se para apresentar a pessoa a sua família.”

4 – “ Visitar a página do Orkut da pessoa e deixar dezenas de recados.”

5 – “ Aparecer de surpresa no local de trabalho da pessoa ou mandar presente.”

6 – “ Declarar-se precipitadamente.”

7 – “ Falar dos exs e contar detalhes da relação anterior.”



No canto esquerdo, no rodapé do jornal dizia:


“ Não Diga No Primeiro Encontro!” ( entre parênteses, os meus comentários).



* “ Você é a cara da minha ex-namorada.”( Realmente o homem perdeu alguns pontos com essa frase).

* “ Me desculpe pelo atraso, tive que ir à audiência do meu ex-marido.”( A mulher deveria ter parado a frase na palavra “atraso”).

* “ Uau, Advogado! E eu pensei que você era meio burrinho.”( Quem disse que todos os advogados são inteligentes? Nada contra a classe.Assim, como em todas as profissões, há os “burrinhos” e os inteligentes).

* "Eu falei dois filhos? Não, você entendeu errado, são seis.”(Eu deletei o que escrevi. Lembrei-me que há pessoas com menos de trinta anos, com SEIS FILHOS).

A minha conclusão: Em todas as frases, as pessoas foram SINCERAS e IMPULSIVAS. Tenho que rever a minha impulsividade.(risos). Quanto a minha sinceridade, JAMAIS.


A matéria foi baseada no livro, “ Aprendendo a Esquecer Você – Manual de Sobrevivência para Superar Decepções Amorosas, de Marcelo Puglia.

Conheci o Marcelo recentemente e sei que têm outros livros editados, entre eles, o “MANUAL DE INSTRUÇÕES DOS HOMENS – Como entender o complicado universo masculino.”

Ele é idealizador de um projeto bem interessante, "As Cartas que nunca mandei". QUEM TIVER INTERESSADO NO PROJETO, FAVOR SE MANIFESTAR.Passarei o e-mail do mesmo.

7 comentários:

Murdock disse...

Fui um pouco impulsivo, disse que amava. Mandei algumas mensagens de celular e liguei mas não acho que exagerei. Só quis estar perto dela, só isso, mas ela teimou em não querer, só porque eu queria...
Não tenho sorte nessa área...
Bjs

Cármen Neves disse...

Murdock - Então as dicas são verdadeiras. Mas te digo uma coisa, quando a outra pessoa sente o mesmo que nós, NADA atrapalha o relacionamento.A menina não te merecia. Essa é a minha opinião. Grata pela visita.

MUTUMUTUM disse...

Ôpa! Ótimas dicas sobre como perder um amor... mas quem quer dicas assim? Rsssssss...

Zoeira! Sei mto bem que essas dicas são pra gente abrir os olhos e talz... realmente, encheções de saco e "grudamento" de pé não dá!!!

Ahhh... achei seu blog pelo do mano Murdock :)

Abraços o/

Cármen Neves disse...

Mutumutum - Tive que escrever o teu "nome" com cuidado para não errar. risos Sim, são dicas para "abrir os olhos". Grata pela visita, passarei no teu blog.

Beth disse...

O engraçado é que tem gente que quer ser assim.
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
beijocas

Cármen Neves disse...

Beth - Será? risos Beijos

Faculdade de Teologia disse...

Muito interesante seu post!! parabens ,q Deus lhe abençoe.
Abs!
Faculdade Teológica